CANAL ACT

22/9 – 13:40 –  Reunião de negociação de ACT termina. RH afirma que vai analisar os questionamentos apresentados pela FNP. Encerramos aqui a nossa transmissão e agradecemos sua audiência.

WhatsApp Image 2017-09-22 at 13.16.13

22/9 – 13:15 – Base já mostra insatisfação com proposta da direção da Petrobrás. Durante a mesa de negociação, sindicalista revela que 95% dos trabalhadores rejeitam a proposta, na intranet da empresa, neste momento.

WhatsApp Image 2017-09-22 at 13.15.32

22/9 – 13:00 – SMS – Ao ser questionado pela FNP sobre retirada de direitos em SMS, gerente de RH afirma: “Não tem entendimento. Sindicato entende de um jeito e a companhia entende de outro. Vamos criar uma comissão para discutir SMS, então”.

WhatsApp Image 2017-09-22 at 12.12.38 (1)

22/9 – 12:30 – Consenso da FNP: Na proposta da direção da Petrobrás ficam evidentes retrocessos quando a companhia, por exemplo,  anuncia sua proposta de Benefício Farmácia com o modelo de coparticipação e reclassificação de doenças e medicamentos, impondo custos aos ativos , e principalmente, aposentados /pensionistas.

WhatsApp Image 2017-09-22 at 12.12.38

22/9 – 12:20 – Risco de Greve: Na opinião de Agnelson Camilo (blusa branca e braços cruzados), diretor da FNP/SindipetroPA/AM/MA/AP, “os sindicatos devem levar a proposta para as assembleias e indicar rejeição, além de exigir que a direção da empresa apresente uma nova proposta, sem nenhuma retirada de direitos, dando um prazo para que o RH se posicione. Caso o RH não responda, GREVE IMEDIATAMENTE”, afirma.

WhatsApp Image 2017-09-22 at 11.57.42

22/9 – 11: 55 – Jovem Universitário – A FNP questiona a extinção  do programa, que integra a  atual  Cláusula 42ª do Acordo Coletivo vigente,  que subsidiava 60% das despesas comprovadas com a universidade .  O programa era direcionado para funcionários e dependentes. O RH diz que  a atual conjuntura da companhia e do país não abarca mais o ‘Jovem Universitário’. “Não cabe mais esse benefício” – disse há pouco um gestor presente na reunião.

mesão

22/09 – 11:20 Horas extras e trocas de turno: FNP aponta os retrocessos no item “hora extras e trocas de turno”. A FNP expõe o quanto a proposta da Petrobrás prejudica os trabalhadores. RH rebate e afirma que a proposta não é uma imposição.

apresentação fnp

22/9 – 11:10 – Cilada na mudança de textos: FNP aponta os principais retrocessos na proposta de ACT da direção da empresa, durante mesa de negociação. Não é apenas otimização da redação, como afirmou o RH, há retirada de direitos, SIM, além de extinguir conquistas históricas da categoria e demonstrar o interesse da direção em inserir retrocessos da reforma trabalhista no ACT. RH tenta esclarecer os apontamentos. Para a FNP não tem acordo do jeito que está.

lj 22

22/9 – 10:21  Conflito de interesse: Lourival Júnior, diretor do Sindipetro- PA/AM/MA/AP e da FNP, durante o preâmbulo, critica recurso concedido a  João Elek que, nesta segunda (18), conseguiu revogar  advertência aplicada a ele em agosto. Elek que era diretor de Governança & Conformidade da Petrobrás e foi afastado da função por causa da contratação sem licitação da Deloitte, empresa na qual sua filha participava de um processo de seleção, tendo sido contratada posteriormente. “Como a Petrobrás pode demitir  quatro trabalhadores e perdoar  um gestor que homologou um contrato em situação de conflito de interesse?”

igor 2

22/9 – 09:50 – Greve no Cenpes: A mudança da forma de contratação da Petrobrás, no Cenpes, tem provocado precarização do trabalho dos terceirizados. Trabalhadores da Autvale e Nova Rio, por conta disso, fizeram uma paralisação de dois dias nesta semana nas empresas. A FNP e o Sindipetro-RJ não admitem isso!

foto 1 22

22/9 – 09:27 – Na abertura da reunião, a FNP expressa repúdio pela demissão de quatro petroleiros  aprovados em concurso público, convocados por liminar judicial. A direção da Petrobrás derrubou a liminar e os petroleiros foram demitidos.

IMG_20170922_090122497[1]

22/09 – 09:00 – Comparativo de perdas: FNP fez uma análise sobre as perdas de direitos que a direção da empresa quer empurrar goela abaixo dos trabalhadores, a partir de minuta entregue pelo RH, e destacou em amarelo os retrocessos. Direção da FNP irá bater nestas retiradas de direitos no início da reunião. Direção da Petrobrás alega ter apenas otimizado a redação do ACT. MENTIRA! Confira as PERDAS na planilha comparativa AQUI!

—————————————————————————————————————————————-

whatsapp20image202017-09-2120at2012-26-3820pm21/9 – 13:10 – Perdeu a linha! O gestor do RH José Luiz  Marcuso  tem uma reação desnecessária e desproporcional, diante da pergunta feita pela petroleira Carla Marinho, diretora do Sindipetro-RJ: quanto a Petrobrás gasta em gratificações gerenciais? Assim termina a reunião. Amanhã (22), FNP participará de nova rodada de negociação.

 

whatsapp20image202017-09-2120at2012-08-3020pm

21/9 – 12:55 –  Desmonte = Privatização: Outro ponto bastante questionado pela FNP, na mesa de negociação de ACT, foi a venda de ativos da Petrobrás.

 

whatsapp20image202017-09-2120at2012-11-5920pm

21/9 – 12:50 –  E aí Petrobrás? Numa guerra de nervos exaustiva, FNP tenta barrar retirada de direitos dos trabalhadores. “Temos uma pauta nossa e uma pauta de vocês. Vocês trouxeram um feedback sobre a nossa pauta, mas, em quais pontos podemos avançar? Vamos discutir hora extra, AMS? Nós temos que avançar”, afirma Adaedson Costa, diretor da FNP e do Sindipetro-LP.

whatsapp20image202017-09-2120at2011-24-2220am

21/9 – 12:30 – Constatação:  “Nós não temos avanços. Apenas retrocessos”, afirma Fábio Mello, diretor do Sindipetro-LP e da FNP.

whatsapp20image202017-09-2120at2011-49-2120am

21/9 – 12:03 –  Perdas para os petroleiros: RH afirma que a proposta da empresa é acima da inflação e cita alguns pontos da proposta apresentada, como: reajuste salarial de 1,73%; corte pela metade a remuneração de horas extras, que atualmente é um adicional de 100%; fim do Adicional do Estado do Amazonas; 0% de reajuste para os Benefícios Educacionais; migração obrigatória para o Vale Refeição/Vale Alimentação; reajuste de 34% para a tabela de Grande Risco da AMS; fim da Gratificação de Campo Terrestre; além de outros. A empresa também reconhece a necessidade de ser criado um Grupo de  Trabalho (GT) para discutir Petros.

21/9 – 11:32 – Direção da Petrobrás quer emplacar retrocessos trabalhistas: Representantes da categoria petroleira criticam a insistência da empresa em tentar aprovar uma proposta que extingue conquistas históricas da categoria e demonstra o interesse da direção em inserir retrocessos da reforma trabalhista no ACT.

21/9 – 11:20 – Um estranho no Petrobrás: Mais uma vez, petroleiros questionam a presença do senhor Pedro Almeida, ex-executivo da AmBev, na mesa de negociação. Indicado po Pedro Parente ao cargo, petroleiros acreditam que Almeida veio para a empresa para ajudar Parente a executar seu plano diabólico de desmonte da Petrobrás.

whatsapp20image202017-09-2120at2010-41-5420am

21/9 – 11:00 – Petrobrás propõe prorrogar atual ACT: Executivos do RH comentam alguns pontos da Pauta de Luta 2017 da FNP, aprovada durante o XI Congresso Nacional. RH afirma também ter estendido as negociações até novembro para poder trabalhar o ACT com a Federação. Eles também propuseram realizar os próximos encontros da Comissão de Anistia nos dias 5 de outubro e 9 de novembro.

 

21/9 – 10:15 – E João Elek?  Lourival Júnior, diretor do Sindipetro- PA/AM/MA/AP e da FNP, durante o preâmbulo, critica recurso concedido a  João Elek que, nesta segunda (18), conseguiu revogar  advertência aplicada a ele em agosto. Elek que era diretor de Governança & Conformidade da Petrobrás e foi afastado da função por causa da contratação sem licitação da Deloitte, empresa na qual sua filha participava de um processo de seleção, tendo sido contratada posteriormente.

 

21/9 – 09:40 – Petroleiros demitidos: Petroleiras do Rio de Janeiro demitidas em plena campanha salarial, por derrubada de liminar que lhes garantia convocação na Petrobrás, falam sobre o ocorrido durante a reunião de ACT.

 

21/9 – 09:15 – Petrobrás responde:  Negociação de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) começa com executivo de RH informando que o encontro objetiva responder os questionamentos feitos pela Federação Nacional do Petroleiros (FNP), na última reunião realizada no dia 14 de setembro. Informações serão divulgadas constantemente aqui e no Facebook da FNP. Não deixe de Acompanhar!

—————————————————————————————————————————————–

15:20 – Começa reunião com o RH da Petrobrás, com apresentação dos presentes

SINDIPETRO-RJ e FNP em ato protesto antes da reunião com o RH da Petrobrás no EDICIN.

Acompanhe a primeira reunião nesta quinta-feira (14) do ACT 2017 em tempo real. Aqui na página do SINDIPETRO-RJ você vai saber tudo com atualizações sobre o que está acontecendo na reunião da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) com o RH da Petrobrás.

LOGO DO CONGRESSO 2017-PARA INTERNET

CANAL ACT
Queremos saber sua opinião sobre o ACT 2017. Nas próximas semanas, vc pode usar este canal para sugestões de pauta, negociação e mobilização.

Você também pode, através deste canal, denunciar o descumprimento do Acordo atual